© Copyright  2018 por Renê Ruggeri Engenharia e Consultoria Ltda. Desenvolvido por Navii Inteligência Digital

Projeto Processo e Projeto Produto

September 21, 2015

Projeto? Eu tenho um projeto! Todos nós sempre temos um projeto.

Projeto? Eu faço projeto(s)! Muitos de nós sempre fazemos projetos.

Projeto? Eu te mostro o meu projeto. Muitos de nós sempre mostramos nossos projetos.

Mas afinal, projeto é algo que se tem? Que se faz? Que se mostra?

Mas eu também coordeno projetos... Eu gerencio projetos... Desenvolvo projetos... Elaboro projetos...etc.

 

O termo projeto de fato é muito utilizado. Muitas vezes é mal utilizado, mas quase sempre está no lugar certo. O problema maior das confusões geradas por este termo é que, por ser tão abrangente e permitir tantos sentidos, quase sempre duas pessoas que conversam sobre projetos estão, no fim das contas, falando de coisas diferentes. Experimentemos, por exemplo, colocar um arquiteto e um administrador para conversarem sobre projetos. Certamente concordarão em muitos pontos, mas nenhum deles alterará as ideias e concepções do outro. Influências mútuas ambos receberão, mas suas posições tendem a ficar fixas quanto ao que é um projeto. Pensemos então nas concepções que têm sobre o que é um projeto um arquiteto, um administrador, um pesquisador em ciências exatas, um médico, um político, um organizador de eventos, um engenheiro, etc.

 

Provavelmente num ponto todos concordarão: projetos envolvem grupos de pessoas; poucos são os projetos individuais e mesmo os individuais costumam serem afetados por influências externas. Mas como pessoas podem trabalhar juntas em um projeto se nem mesmo o significado de projeto é comum a todas elas? Não seria esse um dos motivos de tantos projetos sem sucesso?

 

Discussões a parte, exporemos na sequencia algumas considerações sobre o que é um projeto. Nosso objetivo é tentar estabelecer um consenso sobre o que é um projeto (ou sobre o que ele pode ser).

 

A palavra projeto deriva do latim. Vem de uma união do verbo jactare com o prefixo pro, ou seja, da palavra projactare. O verbo jactare significa lançar à frente, algo como arremessar, mas que também pode ser utilizado no sentido de pensar à frente, prever, etc. Já o prefixo pro tem função de dar a idéia de “a favor de, em direção à, etc.”. Assim, projactare poderia ser traduzido como estar à frente e a favor de alguma coisa. Ora, não é difícil ver que, de fato, o projeto sempre é algo que vem antes de alguma coisa, ou seja, está à frente de alguma coisa. Vem antes exatamente para auxiliar no sentido da realização desta coisa, ou seja, está a favor disto. Obviamente o termo sofreu nesta transformação algumas adaptações para que fosse aplicado com os significados que tem hoje. A relação do latim para o nosso português pode não ser tão direta, mas a ideia central, a essência do termo, continua a mesma.

 

Este entendimento sobre o termo não é capaz de eliminar as divergências de opinião que podemos encontrar entre diversos indivíduos. Na realidade todas as interpretações do termo projeto contemplam esta visão. Não poderia ser diferente, afinal, independentemente das transformações e adaptações que o termo tenha sofrido, sendo sua origem a mesma, não poderia deixar de guardar sua essência. Caso não mantivesse este conteúdo semântico provavelmente haveria outro termo que melhor se aplicasse ao significado eventualmente pretendido. Assim, o termo projeto, em todas as suas interpretações possíveis, guarda essa característica intocável: projeto é algo que está sempre à frente e a favor de alguma coisa. Pode ser um conjunto de desenhos que antecede a construção de um edifício ou produto qualquer, pode ser um conjunto de documento que descreve um processo produtivo, etc. Mas pode ainda ser mais coisas. Exploremos um pouco mais o termo.

 

Na língua inglesa o termo projeto possui significado um tanto mais restrito que no português. Em inglês (que também tem origem no latim) projactare transformou-se em project. Porém, traduzindo project do inglês para o português, veremos que o sentido a ser atribuído refere-se a um processo de criação de alguma coisa. Não criação ocasional, mas um processo previamente pensado. Observemos que a essência do significado ainda permanece.

 

Para referir-mo-nos, por exemplo, aos desenhos artísticos de um artefato, em inglês o termo usado seria design. E aqui começam a serem explicadas as confusões do termo projeto, porque tanto project quanto design são comumente traduzidos como projeto para português. Para complicar, se formos traduzir projeto (em português), significando os desenhos de uma casa, usaríamos o termo plan (em inglês). A influência imposta pelo contexto em que a palavra está inserida é fundamental nestes casos de tradução.

 

Na língua inglesa os significados dos termos são bem distintos:

 

  • Project significa um processo de criação de algo, tem ligação com processo, com o tempo, com a criação. Algo como em: estou participando do projeto de lançamento de um produto.

 

  •  Design tem um significado mais abstrato por remeter a ideias mentais, requisitos de arte, desempenho, etc., como em: o projeto do produto é extremamente modernista e eficiente. Tem a ver com desenho, não no seu aspecto técnico, mas no aspecto de concepção, ideológico.

 

 

  • Plan significa o desenho de algo, algo concreto que se aprecia, se analisa, se observa fisicamente. Usado por nós como em: estes são os projetos da casa (mostrando os desenhos de arquitetura, por exemplo). Neste caso, os desenhos compõem um plano de execução.

 

Observemos que todos os três termos podem ser traduzidos como projeto para o português. Nas três afirmativas dadas como exemplo, o termo projeto foi usado sem perda de significado, mas em inglês isso não seria possível.

 

Fica uma questão para discussão: é mais vantagem ter os três termos com significados diferentes ou ter um único termo que permita vários significados? Não pretendo aqui discutir isso, mas é uma boa reflexão...

 

Se você buscar definições na literatura, poderá identificar dois grandes grupos: um associa projeto a um processo, a uma atividade, um esforço, etc; outro associa projeto a um produto, a um documento ou conjunto de documentos, etc. Todas as definições encerram a essência do termo como já vimos, mas esta diferença identificada é fundamental. Podemos dizer que coexistem o projeto processo e o projeto produto.

 

Vamos então estabelecer a diferença, para evitar confusões. Ambas as noções passadas pelo termo projeto (processo e produto) são corretas.

 

Projeto, quando referido ao projeto processo, significa toda uma sequencia de eventos, ações, etc. que devem ocorrer para a produção de algo. Este algo pode ser um produto ou um serviço. Enquanto produto pode ser um novo eletrodoméstico lançado no mercado, pode ser um edifício ou pode ser um brinquedo, entre outras coisas. Como serviço, pode ser uma festa, um treinamento para uma equipe de empregados, um tratamento médico, etc.

 

Projeto, quando referido ao projeto produto, significa um conjunto de documento gráficos e/ou textuais que traduzem ou contenham as informações necessárias para a criação de algo. A confusão parece estar no fato de que o projeto produto, normalmente é entrada ou fruto de uma etapa de um projeto processo. Os projetos (produtos) de uma residência (arquitetônico, estrutural, de instalações, etc.) normalmente são entradas ou frutos de uma etapa do projeto de construção de uma casa (processo). Os projetos de peças publicitárias (que são projetos produtos) podem ser partes do projeto de lançamento de um produto (processo). Um projeto de uma campanha social contra fome (um volume de folhas encadernado, portanto um produto), normalmente é apenas algo necessário para que se possa iniciar de fato a campanha (projeto processo). Esses e uma infinidade de outros exemplos demonstram que projeto processo e projeto produto são coisas bem diferentes, mas ambos são comumente chamados apenas de projeto. Quando se fala “o projeto da casa”, alguns pensam nos desenhos, outros, em todo o processo para execução dela.

 

Um profisisonal deve estar convicto de que é capaz de diferenciar projeto processo e projeto produto para evitar confusões, pois em diversas ocasiões fala-se de ambos simultaneamente.

 

Pensemos agora da seguinte forma: se projeto processo é uma sequencia de eventos para se criar um produto; e projeto produto é, de fato, um produto; deve haver um processo para a criação do projeto produto. E sem dúvida há. Para a criação de um projeto de arquitetura ou de engenharia (projetos produtos) há todo um processo a ser seguido (projeto processo).

 

Nesta situação o jogo de palavras tende a nos confundir. Particularmente neste tipo de projeto (projeto processo para criação de projeto produto) se alguém disser “estou trabalhando no projeto do novo edifício administrativo da empresa” há duas interpretações possíveis. A primeira dá a entender que a pessoa está envolvida no processo de execução da obra em qualquer uma das suas etapas. Porém, uma segunda interpretação induz à ideia de que a pessoa está empenhada na produção dos desenhos (e outros documentos técnicos) do prédio. E, de fato, qualquer uma das interpretações está correta. A perfeita interpretação da informação passada dependerá de outras informações que caracterizarão o contexto.

 

Agora, limitando a situação ao processo para produção dos desenhos e documentos técnicos de arquitetura e/ou engenharia de um edifício, dizemos que o indivíduo está no projeto de produção dos projetos do prédio (conhecido pro Processo de Desenvolvimento do Projeto - PDP). Trata-se de uma sequencia de eventos e ações que serão executadas para que, no final, obtenham-se os projetos técnicos de arquitetura e engenharia do edifício. Temos um projeto processo cujo resultado é um projeto produto.

 

Isso (entre outras coisas) é o que fazem os escritórios e empresas de arquitetura e engenharia: projeto processo para produzir projeto produto.

 

O termo projeto é usado para referir-se ao processo no dia-a-dia profissional para fins normalmente gerenciais. É usado para referir-se ao produto comumente em assuntos técnicos. Enfim, o contexto é que irá explicitar a que se refere o termo projeto quando este for empregado.

 

Abraços

Tags VIP, Projetos AEC, Engenharia

Please reload

Featured Posts